metro3

00:00
Justiça Eleitoral
Recadastramento biométrico

Em Aparecida de Goiânia, não há mais vaga para atendimento neste mês

Publicado: 24 de julho de 2013 às 16:16
Cerca de 230 mil pessoas ainda devem fazer o recadastramento biométrico

Cerca de 230 mil pessoas ainda devem fazer o recadastramento biométrico

Disponível desde maio para os moradores de Aparecida de Goiânia, o recadastramento biométrico foi feito por apenas 19 mil pessoas dos 250 mil eleitores da cidade. O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de Aparecida de Goiânia disponibiliza um serviço de agendamento para o cadastro digital apenas pelo o site do TRE. Apesar de existir o serviço de agendamento, os eleitores da região metropolitana de Aparecida enfrentaram longas filas nos cartórios de Araguaia e Garavelo nesta quarta-feira (24).

De acordo com os cartórios da região, não há mais vaga para atendimento neste mês, o agendamento agora está sendo feito apenas para o mês de agosto. Segundo o TRE, o sistema biométrico evita que uma pessoa tente se passar por outra no momento da identificação em um pleito eleitoral, já que não existem impressões digitais iguais. Os documentos exigidos para o recadastramento são: título de eleitor original, comprovante de endereço original e atualizado e documento de identidade com foto. A expectativa do TRE é de que em 10 anos todo o país possa utilizar as urnas biométricas

Notícias relacionadas
Candidatura impugnada?
Arruda consegue liminar contra Ministério Público
Em São Paulo
TRE rejeita contas do PPL e suspende verba do fundo partidário
Propaganda Irregular
TRE confirma multas a Padilha e ao PT por campanha antecipada
Licitação irregular
MPF recomenda que contrato do VLT de Goiânia não seja assinado