Publicidade
13 de Agosto de 2017
Interrogatório inútil
Há duas semanas, a procuradora-geral da Venezuela mandou dois colegas interrogarem João Santana, marqueteiro do PT, sobre propina paga pela Odebrecht aos governos de Hugo Chávez e Nicolás Maduro. Logo depois, Maduro aplicou o golpe da “constituinte” e a demitiu.
busca
colunas anteriores

 
Busca
Redes sociais
@diariodopoder
© 1998 - 2017 - Todos os direitos reservados