Publicidade
11 de Agosto de 2017
#PartiuPortugal
Enquanto no Brasil políticos salivam com o “fundão” de R$3,6 bilhões para custear suas campanhas, em Portugal já se discute o fim do financiamento público. E olhe que as eleições autárquicas (municipais) de lá, em 1º de outubro, custarão R$14 milhões em todo o país.
Publicidade
busca
colunas anteriores

 
Busca
Redes sociais
@diariodopoder
© 1998 - 2017 - Todos os direitos reservados